SELINITA - TODOS OS BENEFÍCIOS E COMO USAR




Selenita é uma variedade de gipsita. Quimicamente é sulfato de cálcio hidratado. A selenita é transparente/translúcida enquanto a gipsita de cor branca leitosa. Sendo a selenita uma forma cristalizada de gipsita é imensamente mais poderosa.É formada pela evaporação da água salgada em lagos ou mares interiores. Estando intimamente ligada com a água, é perfeita para trabalhar com o corpo emocional.

As funções principais da Selenita são a limpeza e energização de outros cristais, a meditação, o desenvolvimento da telepatia e clareza mental.

É uma pedra fundamental para quem trabalha com cristais pois ela limpa e energiza todos os outros cristais, para além de ambientes e pessoas.


CHÁ DE HIBISCO E SUAS PROPRIEDADES




O hibisco é uma das receitas de chá mais famosas para quem deseja perder peso. Quando unida com a canela, o efeito da bebida fica ainda mais potente, trazendo outros inúmeros benefícios para à saúde. Saiba como fazer o chá de hibisco com canela.

A receita com o hibisco e a canela é um diurético natural, ajudando a acelerar o metabolismo, além de ser uma excelente forma de reduzir a retenção de líquido.

As vitaminas B1 e B2 presentes no chá de hibisco com canela ajudam no bom funcionamento do sistema nervoso, músculos e coração, estimulam a produção de sangue e mantém o metabolismo adequado.

Devidos às substâncias antioxidantes presentes na bebida, o chá de hibisco com canela tem ação anti-inflamatória, ajuda a manter a saúde do cérebro estável, ajuda a diminuir a pressão arterial e regula os níveis de colesterol.

DIETA LOW CARB - BAIXO CARBOIDRATOS.




A dieta low carb propõe reduzir a quantidade de carboidratos ingeridos. A orientação em uma alimentação convencional é que 50 a 55% do que é ingerido no dia seja carboidrato. Já nos métodos low carb, o macronutriente pode compor entre 45% a 5% do que é consumido em um dia. É importante ressaltar que a redução extrema de carboidratos, algo abaixo de 40%, até proporciona o emagrecimento, porém ele não será saudável e pode ter uma série de consequências graves para a saúde. Os carboidratos incluem alimentos como arroz, macarrão, pão e batata.


Além disso, este método defende que seja priorizado o consumo de carboidratos de baixo índice glicêmico, aqueles cuja glicose (açúcar) é absorvida em uma velocidade mais lenta e por isso não há picos de glicose e nem de insulina no organismo. São exemplos de alimentos de baixo IG a batata doce e o arroz integral.


O PODER DA ACEITAÇÃO


Sempre que surge em nós alguma emoção negativa, estresse ou qualquer tipo de desconforto emocional, é um sinal de que, em algum nível, entramos em um processo de não aceitação da realidade. Situações acontecem e reagimos internamente contra a realidade nos causando sofrimento.



Os pensamentos de não aceitação são os mais diversos . Alguns desses pensamentos falam sobre coisas que estão acontecendo no presente momento, e outros focam em situações já passadas: Eu não deveria ter feito isso; fulano deveria ter falado comigo de outro forma; as pessoas deveriam se comportar de tal maneira; eu deveria ter feito outra coisa e não fiz; o mundo deveria ser mais justo; eu não aceito o que aconteceu comigo; não suporto o jeito de falar de fulano (pensamento que deixa implícito que fulano deveria ser de outra forma); o avião não deveria estar atrasado e etc...

MUSCULAÇÃO FORTALECE O CÉREBRO




Ter um corpo com músculos definidos é sinal de inteligência. Pesquisas americanas indicam que os exercícios de força associados a treinamento aeróbio ativam os neurônios e retardam o envelhecimento do cérebro. Um dos motivos é que a atividade física estimula genes que regulam o órgão.

Os dados foram apresentados no III Congresso Brasileiro de Nutrição Esportiva Funcional e IV Congresso Internacional de Nutrição Clínica Funcional, na sede da Fecomércio, em São Paulo. Especialistas discutiram ainda como usar os alimentos para prevenir e controlar desequilíbrios do organismo. De acordo com estudos, a prática de exercícios aumenta a oxigenação no cérebro.

Este é apenas um dos benefícios da malhação. Segundo o pesquisador Michael Colgan, do American College of Sports Medicine e da British Society for Nutritional Medicine, o esforço produz novas mitocôndrias, organela responsável pela produção de energia.

Para fabricar mais mitocôndrias, o cérebro acaba estimulando a formação de neurônios, a neurogênese. — Antes se dizia que isso era impossível, que as pessoas nasciam com certo número de neurônios e eles morreriam com os anos. Hoje sabemos que o cérebro cria novas células o tempo todo — diz Colgan, autor de livros sobre o tema, como “Save your brain” (Salve o seu cérebro), ainda não lançado no Brasil.